Hospital da Mulher fortalece cuidados com a saúde de gestantes e de bebês de Alagoas

A inauguração do Hospital da Mulher marca um novo momento de atenção à saúde de gestantes e bebês e dá início a um dos grandes marcos do programa Criança Alagoana (CRIA). Projetado para atender a fase mais importante da primeira infância, o hospital garantirá atendimento de qualidade, fortalecendo, assim, a formação de uma nova geração de alagoanos.

Todo o processo de concepção do hospital teve contribuição direta da equipe técnica do CRIA do Núcleo da Saúde, ligado à Secretaria Estadual de Saúde (SESAU), que construiu um plano de necessidades voltado para solucionar gargalhos de saúde materno-infantil, com a utilização do que há de mais moderno no atendimento à gestante e recém-nascido.

Com o objetivo de ampliar o acesso e qualificar as melhores práticas na primeira infância de Alagoas, o Hospital da Mulher oferecerá atendimento humanizado e acolhedor, fortalecendo os vínculos afetivos e garantindo os estímulos corretos para o desenvolvimento.

 “Quando garantimos o nascimento de uma criança em um ambiente adequado, estamos abrindo as primeiras janelas de oportunidades desse grande projeto de investimento na primeira infância. Depois de 40 anos sem a abertura de novos hospitais, hoje as alagoanas e seus filhos serão acolhidos um lugar e cuidados de forma humanizada”, afirmou Renata Calheiros, primeira-dama e coordenadora estratégica do CRIA.

Todos os serviços funcionaram de forma multidisciplinar, em ambientes que foram projetados de acordo com as normas do Ministério da Saúde. Desta forma, as ações do CRIA estarão presentes no Centro de Parte Normal, Unidades de Cuidados Intermediários Neonatal Convencional e Canguru, Posto de Coleta de Leite Humano e do Serviço de Referência em Triagem Neonatal, espaços lúdicos e na Ala Lilás, que atenderá crianças vítimas de violência.

Ascom – 30/09/2019